12/11/10

A mulher encurvada

Ora, ensinava Jesus no sábado numa das sinagogas. E veio ali uma mulher possessa de um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos; andava ela encurvada, sem de modo algum poder endireitar-se. Vendo-a Jesus, chamou-a e disse-lhe: Mulher, estás livre da tua enfermidade; e, impondo-lhe as mãos, ela imediatamente se endireitou e dava glória a Deus.     Lc 13:10 -13 RA 


Lucas, que era médico, registrou um milagre de cura muito interessante e significativo no livro que seu leva o seu nome. O fato se deu em uma sinagoga num sábado, dia e local sagrados para os judeus, e por isso, Jesus foi duramente criticado e perseguido pelas autoridades religiosas do Seu tempo.
Lucas descreve a ação libertadora de Jesus ao tocar em uma mulher encurvada durante dezoito anos, por conta da ação de um espírito de enfermidade que a atormentava.


A mulher na expectativa de ser curada vai até a sinagoga, e Jesus ao vê-la, mandou chamá-la. Diante dela, Ele declara uma palavra de libertação: Mulher, estás livre da tua enfermidade E, impondo-lhes as mãos, ela imediatamente se endireitou e dava glória a Deus.

Essa história não está restrita apenas as páginas da Bíblia, pelo contrário, a cada dia, ela tem seus desdobramentos e suas vítimas estão espalhadas pelo mundo inteiro. Existem milhões e milhões de pessoas encurvadas por aí, sofrendo nesse instante pelo peso de sua dor e limitação.

O que você faria em dezoito anos?
 
Bem, em dezoito anos podemos:casar, gerar filhos, ter netos, cursar pelo menos três faculdades, realizar diversos empreendimentos, etc. Mas, o que essa mulher conseguiu realizar nesse tempo a não ser carregar o peso de sua dor?

Ao longo de dezoito anos essa mulher viveu todos os seus dias encurvada, sem de modo algum poder endireitar-se. Diante de Jesus, em menos de dezoito segundos ela recebeu o alívio e a restauração completa do seu físico e de suas emoções.  Ela volta à sua posição original depois de muitos anos.

Quantos de nós, a exemplo dessa mulher, vivemos ao longo de anos a fio, fora da posição que Deus nos criou, encurvados pelos problemas financeiros, pelas críticas que recebemos, pelas preocupações do nosso dia-a-dia, pelos medos que nos atormentam, pela dor da rejeição e traição, pelo peso da inveja, e assim por diante? Precisamos urgentemente ser livres de topo peso! Jesus está te vendo nesse momento. Ele está te chamando para uma vida melhor. O fardo dEle é leve e Seu julgo é suave (Mt 11:30)

Receba agora mesmo o toque terapêutico, restaurador e libertador de Jesus, o médico dos médicos. Ele vai te endireitar. Fique em pé! Uma pessoa encurvada vive o tempo todo contemplando seus próprios pés. Chegou a hora de você contemplar o horizonte, o céu é o limite.

A postura de uma pessoa prostrada só tem propósito e validade quando a mesma está diante de Deus em oração e adoração. Do contrário, esta posição não combina com a vida cristã. Ao invés de andarmos encurvados, devemos incorporar este padrão para o nosso viver: árvore plantada, em pé, ereta, cumprindo sua missão.

Bendito o homem que confia no SENHOR e cuja esperança é o SENHOR. Porque ele é como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e, no ano de sequidão, não se perturba, nem deixa de dar fruto. Jr 17:7- 8 RA

Encurvado? Nunca mais! Pau que nasce torto morre torto? Jesus pode endireitar! 

Seja um instrumento nas mãos de Deus a fim de Ele por meio de você endireite muitos encurvados para a Glória dEle.

Pr Valmir Ferreira